segunda-feira, 27 de agosto de 2012
Reposição hormonal masculina proporciona mais vitalidade e qualidade de vida

Quem disse que reposição hormonal é apenas para as mulheres? E quem disse que oshomens também não sofrem com a queda de hormônios que ocorre com o passar dos anos? A verdade é que, tanto quanto o sexo feminino, os homens também tem seushormônios alterados quando atingem a andropausa, entre os 45 e 50 anos. Essaalteração pode causar redução na disposição, perda de massa muscular e ganho degordura e perda da libido. A boa notícia, porém, é que assim como as mulherespodem se beneficiar do tratamento de reposição hormonal, isso também é possívelpara o sexo masculino.

 

O médico ginecologista Jorge Valente, que também atua na área de reposiçãohormonal masculina, destaca que, apesar do advento das pílulas que tratam osproblemas de ereção, é preciso que haja libido para que a vida sexual do homemnão perca o vigor. “Nesse sentido, a reposição da testosterona trata a perda delibido e também contribui para a melhora na disposição para todas asatividades, proporcionando mais qualidade de vida”, enfatiza.

 

A reposição hormonal masculina pode ser feita de diferente formas, sendo sempre avaliada a adequação à realidade do paciente. “Pode-se utilizar injeções, implantes subcutâneos ou gel. O implante traz a comodidade de ser substituídoapenas uma vez ao ano. Para pacientes amis jovens, porém, que estão com umproblema pontual de falta de libido, o gel pode ser uma boa alternativa, pois otratamento será temporário”, explica Valente.

 

Autor: Assessoria de Imprensa
Publicação vista 1609 vezes

segunda-feira, 10 de dezembro de 2018
Tratamento com laser melhora saúde intima e vida sexual da mulher
sexta-feira, 26 de outubro de 2018
Perda da libido feminina pode ser atribuída a vários fatores
terça-feira, 28 de agosto de 2018
Fatores físicos e emocionais podem afetar ciclo menstrual
principal o profissional notícias
eventos patologias artigos
imprensa dicas de saúde contatos

*Para retirar seu nome da lista basta digitá-lo novamente acima.
Copyright 2011 © Jorge de Aguiar Valente Filho - CRM 13476